DEP realiza oficina Marco Zero no Hospital de Base


Publicado em: 29 de maio de 2019

Diretoria de Ensino e Pesquisa orientou contemplados com edital de fomento

Nesta quarta-feira (29) a Diretoria de Ensino e Pesquisa (DEP) realizou a oficina Marco Zero no auditório do Hospital de Base (HB).

Com o intuito de apresentar todos os procedimentos e documentos que serão adotados para o desenvolvimento e acompanhamento das pesquisas que foram contempladas com o edital de fomento do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF), a programação contou com a presença do diretor de Ensino e Pesquisa, Everton Macedo, que explicou sobre a importância das orientações.

“Este momento é importante para que o pesquisador do Instituto saiba como utilizar, da melhor maneira, os recursos disponibilizados, e, consequentemente, consideramos que a pesquisa desenvolvida alcançará o objetivo proposto do nosso hospital de ensino, que é melhorar a assistência prestada pelo IGESDF por meio dessas inovações”, destacou.

De acordo com o diretor, as oficinas ocorrerão semestralmente, durante a vigência dos projetos que é de 24 meses, e contará com a participação dos sete pesquisadores do Instituto contemplados com o edital de fomento 01/2019.

“Acreditamos que oferecendo essas ações de orientações, poderemos, também, acompanhar a aplicação dos recursos destinados para essas pesquisas auxiliando na transparência de todo o processo”, concluiu.

Hospital de Ensino – Hospitais de Ensino são estabelecimentos de saúde que pertencem ou são conveniados a uma Instituição de Ensino Superior (IES), pública ou privada, que servem de campo para a prática de atividades de ensino na área da saúde e que são certificados conforme o estabelecido na legislação do Programa de Certificação de Hospitais de Ensino.

Esses hospitais se caracterizam por serem unidades de referência em procedimentos de maior densidade tecnológica (complexidade), são centros de formação, ensino e atuação de importantes especialidades de saúde, em especial dos profissionais médicos especialistas e contribuem nos processos de inovação assistencial e incorporação tecnológica em saúde.

Texto: Leilane Oliveira/IGESDF

Foto: Diretoria de Ensino e Pesquisa

Não deixe de compartilhar: