IGESDF incorporou mais 305 novos colaboradores neste mês


Publicado em: 29 de julho de 2019

Contratados recebem orientações gerais sobre o Instituto no primeiro dia de atividades – 

Este mês o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) teve incremento em suas equipes assistenciais e administrativas.

Entre médicos, enfermeiros, técnicos em enfermagem, terapeutas, fisioterapeutas, além de auxiliares e assistentes administrativos, 305 novos colaboradores participaram das recepções onde foram orientados por profissionais dos setores de Gerência de Desenvolvimento Humano (GDH), Contratos e Metas Institucionais, Compliance, Núcleo de Controle de Infecções Hospitalares (NCIH), Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) e Gerência de Pessoas.

Para o presidente do Instituto, Francisco Araújo, recompor as equipes médicas e administrativas faz parte do processo de ampliação da gestão e tem como principal objetivo melhor o atendimento à população.

“Trabalhamos com pessoas e temos que estruturar nossos recursos humanos para garantir uma saúde pública de qualidade para os que mais precisam”, salientou.

A gerente de Desenvolvimento Humano, Amanda Oliveira, destaca que as integrações são momentos em que os novos colaboradores podem tirar dúvidas e conhecer alguns processos do IGESDF.

“Fazemos questão de reunir todos os contratados para que entendam o funcionamento do Instituto como um todo, e não se atentem apenas às questões relacionadas às áreas onde irão atuar”, explicou.

Novos colaboradores assistenciais participaram de treinamento com Educação Permanente no HRSM

Treinamento da Educação Permanente – Dentro da lógica de capacitação para o início de suas atividades, os enfermeiros e técnicos em enfermagem recém-chegados participaram de integrações com a equipe da Educação Permanente do IGESDF.

Nos dias 17 e 18, as orientações foram no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), e dias 23 e 24 no Hospital de Base (HB) para que todos os profissionais tivessem a oportunidade de participar.

Conforme explica o enfermeiro que atua na Educação Permanente, Paulo Brito, a iniciativa, que contou com o apoio do NCIH e SESMT, trouxe treinamentos sobre administração segura de medicação, cuidados com acessos vasculares, prevenção de lesão de pele e cuidados com sondas e drenos.

“A integração dessas áreas assistenciais foi feita com a intenção de falar de temas técnicos com os profissionais da assistência. Discutimos e relembramos assuntos cotidianos, visando o aprimoramento dos conhecimentos de nossos profissionais para a prestação de uma assistência de qualidade aos nossos pacientes”, afirmou.

Texto: Leilane Oliveira/IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/IGESDF

Não deixe de compartilhar: