IGESDF publica gabarito da seleção exclusiva para pessoas com deficiência


Publicado em: 27 de agosto de 2019

Candidatos que fizeram provas nesta segunda-feira (26) levaram os cadernos para casa e poderão conferir as marcações

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) publicou, nesta terça-feira (27), o gabarito preliminar da prova aplicada na seleção exclusiva para pessoa com deficiência (PCD). Foram 454 candidatos disputando 102 vagas para o cargo de assistente administrativo. Eles inscreveram-se no período de 16 a 28 de julho e fizeram as provas nesta segunda-feira (26).

Os gabaritos podem ser conferidos no site do IGESDF, na aba processo seletivo. Basta clicar no botão “seleção” e, em seguida, no link da documentação ou acessar esse link. Os candidatos, que puderam levar as provas para casa, têm dois dias para entrar com recurso. Na sexta-feira (30), será publicado o resultado final dessa etapa e, na próxima semana, deve ser realizada a entrevista com os candidatos convocados.

“É nosso dever abrir processos seletivos para inclusão de pessoas com deficiência no IGESDF. Essa é uma iniciativa importante e integra parte de um programa de diversidade para a inclusão de todos os públicos que está sendo elaborado pela nossa Gerência de Desenvolvimento Humano, bem como cumpre com a Lei nº 8219, de julho de 1991, que prevê que as empresas contratem pessoas com deficiência”, ressaltou o diretor-presidente do IGESDF, Francisco Araújo.

Os testes foram aplicados das 8h às 12h e das 14h às 16h, na Escola de Aperfeiçoamento dos Profissionais de Educação (EAPE), que conta com acessibilidade como rampas largas e salas que comportam pessoas com mobilidade reduzida.

O público participante incluiu pessoas com baixa visão, deficientes auditivos oralizados, pessoas com mobilidade reduzida de membros inferiores, pessoas com deficiência física nos membros superiores e pessoas com deficiência intelectual.

Por isso, os testes foram adaptados às necessidades dos candidatos. Houve provas com intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais) e com letras aumentadas. Os candidatos foram separamos em salas por tipo de necessidades para que recebessem o apoio de profissionais especializados.

Texto: Ailane Silva/IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/IGESDF

Não deixe de compartilhar: