IGESDF monta estruturas especiais para atender pacientes com dengue

Unidades foram erguidas, inicialmente, nas UPAs de Ceilândia e Sobradinho, para fazer frente a um possível aumento de casos nesta época do ano –

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) montou duas estruturas especiais para atender pacientes com suspeita de dengue nas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Ceilândia e Sobradinho. Ambas foram erguidas em 48 horas, durante o fim de semana. A previsão é de que mais cinco sejam colocadas nas UPAs de São Sebastião, Núcleo Bandeirante, Samambaia e Recanto das Emas, bem como no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM).

O anúncio foi feito pelo o diretor-presidente do IGESDF, Francisco Araújo, durante coletiva de imprensa, nesta segunda-feira (17). Segundo ele, a iniciativa é uma medida de precaução frente ao possível aumento de casos nesta época do ano. “As tendas são mini-hospitais que contam com macas, consultório e a equipe de saúde atendendo. Funciona nos moldes das UPAs, em um espaço bem estruturado com ar condicionado”, ressaltou.

O gestor esclareceu que a colocação das estruturas foi feita na perspectiva da prevenção para dar mais segurança à população.  “As tendas são mais um aporte dentro do contexto da rede de saúde, porque a Secretaria de Saúde também conta com salas de hidratação em alguns hospitais e outras áreas do governo, no que diz respeito à prevenção, faz a limpeza de rua para evitar água parada e a proliferação do mosquito”, disse.

SERVIÇO – Com cerca de 50 metros quadrados, as estruturas contam com sala de triagem, consultório médico, 10 leitos de hidratação venosa e sistema de ar condicionado. No local, é possível fazer o diagnóstico clínico, teste rápido e teste laboratorial processado no laboratório das UPAs, bem como o tratamento com hidratação venosa.

Cada tenda conta com quatro médicos, seis técnicos de enfermagem, três enfermeiros, três técnicos de laboratório, três analistas de laboratório, três auxiliares de atendimento e dois auxiliares de serviços gerais para fazer a limpeza.

Essas estruturas especiais funcionarão das 7h até às 19h, todos os dias e, se necessário, passarão a funcionar 24h por dia.

SINTOMAS DA DENGUE – Dengue é uma doença febril grave transmitida pelo mosquito Aedes aegypti, que precisa de água parada para se proliferar.

O período do ano com maior transmissão são os meses mais chuvosos de cada, mas é importante manter a higiene e evitar água parada todos os dias, porque os ovos do mosquito podem sobreviver por um ano até encontrar as melhores condições para se desenvolver. Os principais sintomas da dengue são:

  • Febre alta > 38.5ºC.
  • Dores musculares intensas.
  • Dor ao movimentar os olhos.
  • Mal estar.
  • Falta de apetite.
  • Dor de cabeça.
  • Manchas vermelhas no corpo.

COMO PROCEDER – Ao sentir os primeiros sintomas da dengue, o paciente deve procurar a UBS mais próxima da sua residência. Lá, será feita uma avaliação e, caso se confirme, a pessoa será encaminhada para o tratamento adequado nas estruturas especiais do IGESDF ou unidade hospitalar mais próxima.

DADOS – Segundo o Boletim Epidemiológico nº 4 de 2020 da Secretaria de Saúde, o Distrito Federal registrou 1.419 casos prováveis de dengue nas primeiras semanas de janeiro deste ano. Um caso evoluiu para óbito. Do total de casos, 91,33% são moradores do Distrito Federal. As crianças menores de um ano de idade e as pessoas com mais e 50 anos foram as mais atingidas pela doença.

COMBATE AO AEDES – O engajamento da população é fundamental no combate ao Aedes aegypti.  A principal forma de se prevenir contra as doenças transmitidas pelo mosquito é manter o monitoramento constante nas residências, sempre buscando evitar água parada e a proliferação do inseto. Confira algumas dicas:

– mantenha caixas d’água, tonéis e barris de água tampados;

– mantenha garrafas de vidro ou plástico sempre com a boca para baixo;

– encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda;

– limpe as calhas com frequência, evitando que galhos e folhas impeçam a passagem da água;

– em caso de identificação de focos do mosquito, acione a Vigilância Ambiental pelo telefone 160.

 

Texto: Ailane Silva/IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/IGESDF

Atendimento à imprensa
Ascom/IGESDF
(61) 3550-9281
imprensa@igesdf.org.br

Leia Também:

Compartilhe esta notícia pelo:

Jucier Hair Designer

Com mais de história 36 anos de história localizado no edifício Radio Center, o salão de beleza Jucier Hair Designer preza pelo melhor atendimento aos seus clientes, realizando serviços como :

  • Cabelo : corte, escova, progressiva, tintura e mechas;
  • Unha : pé e mão ( em conjunto);
  • Depilação : axilas, contorno cirúrgico, meia perna e perna completa;
  • Sobrancelha : design simples.‌‌


Benefício
: 20% de desconto aos colaboradores do IgesDF

Corte:
Masculino: De R$ 45,00 por R$ 36,00
Feminino: De R$ 75,00 por R$ 60,00

Escova:
Curta: De R$40,00 por R$32,00
Média: De R$ 45,00 por R$36,00
Longa: De R$55,00 por R$44,00

Químicas:
Progressiva: De R$250,00 por R$200,00
Tintura: De R$ 180,00 por R$ 144,00
Mechas: De R$ 280,00 por 224,00

Unha:
Pé e mão – De R$45,00 por R$ 40,00

Depilação :
Axilas: De R$30,00 por R$ 24,00
Contorno cirúrgico: De R$ 60,00 por R$ 48,00
Meia perna: De R$ 40,00 por R$ 32,00
Perna completa: R$50,00 por R$ 40,00

Sobrancelha :
 Design simples – De R$ 45,00 por R$36,00

Telefone: Clique aqui
Endereço: Srtvn 702 bloco p loja 109 – Asa Norte – Ed Brasilia Radio Center.