Sem poder falar, paciente escreve bilhete para elogiar atendimento no Base


15/04/2019 - 20h57

Raul Ornelas foi submetido à cirurgia para retirada de câncer na laringe

A restrição de usar a voz após ser submetido à cirurgia na laringe para retirar um tumor não impediu Raul Ornelas, 67 anos, de agradecer pelo atendimento no Hospital de Base. Com uma caneta e um caderno, ele redigiu um bilhete para todos os profissionais envolvidos no seu tratamento.

“Constatei orgulhoso que nossa nação caminha para as boas práticas e excelência em governança. O exemplo disso é Hospital de Base, que me atendeu com eficiência profissional e material, em igualdade com qualquer unidade de primeiro mundo. Orgulho-me do meu país”, disse.

Emocionado, o paciente que é advogado e foi submetido à cirurgia nesta segunda-feira (15), parabenizou o Hospital de Base, sem esquecer-se de nenhum dos profissionais: “Cirurgiã, anestesista, clínicos da bronco, enfermeiras, nutricionistas, pessoal de apoio e limpeza”, enumero.

A esposa Claúdia Ornelas, 54 anos, também enquadra o atendimento como excelente e maravilhoso. “As pessoas são fantásticas e os médicos são maravilhosos. A equipe de cirurgia, do pré-operatório, do pós-operatório, da limpeza oferecem um tratamento humanizado e diferenciado, com gentileza”, completou.

Para a fonoaudióloga Viviane Cappobianco, é gratificante o elogio. “Quando um profissional aborda um paciente que é acometido por um tumor de laringe, em que é retirada a sua prega vocal, e mesmo assim ele se comunica por um bilhete para agradecer por ser bem tratado em um hospital público, traz felicidade e satisfação por sabermos que estamos no caminho certo”, declarou.

 

Texto: Ailane Silva/Iges-DF

Fotos: Lúcio Távora/Iges-DF