Sistema com foco na qualidade do paciente entra em operação no Base


18/03/2019 - 18h46

Plataforma gerencia informações estratégicas para melhoria dos serviços hospitalares prestados

Nesta segunda-feira (18), entrou em operação um novo sistema de gestão hospitalar no Hospital de Base, gerido pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF). A plataforma inovadora tem como foco elevar o padrão de atendimento ao paciente.

Uma das principais ferramentas é o módulo de gestão de ocorrências, que permite o registro de eventos adversos, tanto assistenciais, quanto administrativos, que impactam na qualidade do serviço ao paciente.

“Também temos o módulo de gestão de risco, que conta com um mapa de risco de várias áreas, possibilitando a prevenção de erros com o melhor planejamento das ações, criando barreiras para atividades mal sucedidas”, informou a gerente de Qualidade e Inovação em Práticas do IGESDF, Simone Barcelos.

Segundo ela, há ainda o módulo de gestão documental, que envolve protocolos, procedimentos operacionais padrão, manuais, entre outras ferramentas que podem ser consultadas pelos profissionais.

“A ferramenta irá garantir o atendimento a requisitos de controle de documentos e registros, favorecendo a padronização, acesso, transparência e qualidade exigidos em processos de certificação”, finalizou.

TREINAMENTO – Para utilizar o sistema, todos os colaboradores do IGESDF estão passando por uma capacitação, realizada nesta segunda (18) e terça-feira (19), que terá continuidade na próxima semana. Ao todo, são aproximadamente 3,5 mil profissionais.

São dois treinamentos. O primeiro, Ocorrências e Documentos, é destinado aos colaboradores para capacitá-los sobre consulta de documentos institucionais e registro de ocorrências (notificações) da instituição.

O segundo, Documentos e Ocorrências, é voltado para gestores e líderes e trata do fluxo de inserção de documentos, análise e tratativa de ocorrências, bem como ao gerenciamento destas informações.

Texto: Ailane Silva/IGESDF

Fotos: Lúcio Távora/IGESDF