Com 1,4 mil partos em 2020, Hospital de Santa Maria homenageia mães


10/05/2020 - 08h15

Elas receberam lembrancinhas e lanches para celebrar o Dia das Mães

Um dos momentos da vida que certamente é inesquecível para as mulheres é o dia em que elas se tornam mães. Não importa se é primeiro ou o segundo filho. Cada nascimento tem um significado. Por isso, os profissionais que atuam nos cuidados com as mães e bebês fizeram uma homenagem especial para as mamães internadas no Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), unidade que realizou 1.442 partos de janeiro a abril desse ano.

As mães receberam fotografias dos seus bebês e também kits com máscaras e álcool em gel confeccionados pelos próprios colaboradores, que pensaram em preparar a surpresa mesmo diante do cenário de coronavírus.

 

 

São eles médicos, enfermeiros, enfermeiros obstetras, técnicos de enfermagem, e equipe multiprofissional, que é composta por psicólogos, nutricionistas, assistente social, fisioterapia e terapeuta ocupacional.

“O parto é um momento único onde a mulher se torna mãe e vivencia situações de medo, insegurança e novidade. Por isso, a sensibilidade da equipe nesse momento é muito importante. A equipe do Hospital de Santa Maria se preocupa com essa situação e cuida com carinho, educação e respeito dessas mães”, disse a gerente da maternidade, Ivonete Rodrigues.

 

ESTRUTURA – O HRSM é referência para gestantes de alto risco da Região Sul. No centro obstétrico do HRSM, há salas de pré-parto, parto e pós parto, seis leitos de observação, sala de assistência ao recém-nascido prematuro e três salas operatórias.

Na maternidade, há o alojamento conjunto, onde mãe e filho ficam juntos, com 41 leitos para o puerpério e 10 leitos para gestação de alto risco.

 

Texto: Ailane Silva/Ascom IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/Ascom IGESDF