Hospital de Base passa por desinfecção feita pelo Exército


31/03/2020 - 11h34

Ação teve como objetivo fazer a limpeza da área externa para eliminar possíveis contaminações pelo novo coronavírus

Em uma atuação conjunta com o Exército Brasileiro, o Hospital de Base passou por uma desinfecção da área externa e interna de grande circulação do Pronto Socorro para prevenir possíveis contágios do Covid-19, já que a unidade está recebendo pacientes com o diagnóstico da doença.

A ação, promovida na manhã desta terça-feira (31), durou aproximadamente um hora. Ao todo, 10 militares do 16º Batalhão Logístico do Exército Brasileiro promoveram a atividade e, ainda, ensinaram equipes do Hospital de Base a como fazer desinfecções desse tipo.

“Esse trabalho é fundamental e extremamente necessário para ajudar a mitigar possíveis contágios do Covid-19. Ressaltamos que o Hospital de Base já estava tomando providências diárias para reforçar a segurança dos profissionais, pacientes e acompanhantes”, disse o superintendente de Apoio Operacional do Hospital de Base, Mauro Faturetto.

Segundo ele, além da limpeza que está sendo feita com mais frequência e a capacitação das equipes, a Segurança da unidade está monitorando o trânsito de pessoas para que não transitem em locais desnecessários ou proibidos.

O oficial de Comunicação Social do Comando Conjunto Planalto, Coronel Boa Ventura, ressaltou que o propósito da desinfecção é apoiar os órgãos de saúde. “A atuação integrada visa a atuar em proveito da população, permitindo a preservação da saúde pública. Queremos evitar a disseminação do coronavírus”, ressaltou, ao informar que o produto empregado na desinfecção tem como base o cloro.

O militar lembrou, ainda, que essa força-tarefa dá continuidade à atividade de desinfecção já realizada na Rodoviária do Plano Piloto, na Estação Central do Metrô e no Hospital Regional da Asa Norte (Hran).

Texto: Ailane Silva/IGESDF

Fotos: Davidyson Damasceno/IGESDF