Hospital de Base reforça limpeza com contratação de 100 profissionais


22/04/2020 - 16h34

Eles atuarão temporariamente com foco na desinfecção dos ambientes para evitar casos do novo coronavírus

A limpeza que já era freqüente no Hospital de Base passou a ser cronometrada, com o reforço de mais 100 auxiliares de serviços gerais contratados por seis meses pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (IGESDF). Com isso, são aproximadamente 420 profissionais cuidando da higienização de todas as alas. O objetivo é aumentar a limpeza e a desinfecção de ambientes e superfícies com foco na covid-19.

A higienização passa pelos pisos, paredes, tetos, superfícies, elevadores, principalmente, com maior freqüência onde costuma ter mais pessoas transitando como o pronto-socorro, a portaria central e o ambulatório.

“Todas as limpezas têm horários agendados que são rigorosamente cumpridos. Para isso, colocamos fichas que precisam ser assinadas nos horários que é feita a limpeza. Nosso objetivo é garantir a segurança de todos”, disse o encarregado-geral do Hospital de Base, Francinaldo da Silva Costa.

Segundo ele, foram implantados turnos extras. “São várias equipes, uma ensaboa, outra enxágua e a terceira atua secando. Eles usam produtos específicos para desinfecção”, ressaltou, ao dizer ainda que o material de limpeza é separado e etiquetado para que aqueles usados em área de maior risco de contaminação não sejam usados em áreas de menor risco.

 

 

Texto: Ailane Silva/Ascom IGESDF