SALVAR VIDAS É O NOSSO COMPROMISSO.

IGESDF aguarda manifestação do MPDFT para iniciar obras do PET-CT

Equipamento permite diagnosticar com precisão doenças graves como o câncer

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Ailane Silva

Após assinar um Termo Ajustamento de Conduta (TAC), em 22 de maio deste ano, para colocar para funcionar o PET-CT que está há cinco anos parado no Hospital de Base (HB), o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) aguarda uma manifestação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) para conclusão do processo e, então, iniciar as obras para instalação do equipamento.

Desde o dia 9 de agosto, o TAC encontra-se no MPDFT aguardando manifestação do órgão aos questionamentos da 5ª Vara da Fazenda Pública do DF para, então, dar continuidade ao processo de homologação do acordo.

O documento foi chancelado pelo diretor-presidente do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF), Francisco Araújo, o diretor comercial, Saulo Àreas e outros representantes da empresa fornecedora do equipamento.

“Colocar o PET-CT para funcionar é uma das nossas prioridades. Sabemos da importância desse equipamento para oferecer um diagnóstico e tratamento mais preciso, por isso, estamos acompanhado o processo diariamente e fazendo tudo o que está ao nosso alcance. Existem milhares de pessoas aguardando nas filas para fazer exames de imagem há anos e essa situação não pode continuar assim”, disse o diretor-presidente do IGESDF, Francisco Araújo.

Com o custo de USD$ 1 milhão (dólares), o PET-CT é fruto de uma compra realizada pela gestão de 2013, que adquiriu o equipamento sem ter uma sala adequada para que ele funcionasse.

Único existente no DF, o aparelho é considerado um dos mais modernos para diagnosticar e acompanhar diversas doenças com precisão, como cânceres e tumores. Ele pode realizar entre 12 a 15 exames por dia. Atualmente, na rede pública de saúde, o exame equivalente disponível é a tomografia, que é menos precisa.

Atendimento à imprensa
Ascom/Iges-DF
(61) 3550-8810
imprensa@igesdf.org.br

Compartilhe esta notícia pelo:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Nossas redes:

IGESDF | SMHS - Área Especial - Quadra 101 - Brasília - DF | CEP: 70.335-900 | CNPJ: 28.481.233/0001-72