IGESDF comemora Dia Nacional da Ciência e do Pesquisador com aumento de publicações


08/07/2020 - 18h23

Volume de publicações eleva patamar do instituto na área de ensino e pesquisa

Na celebração do Dia Nacional da Ciência e do Pesquisador, o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF) tem muito a comemorar devido o aumento de pesquisas realizadas com alto rigor metodológico na instituição.

Segundo dados da Diretoria de Inovação, Ensino e Pesquisa, do ano de 2018 para 2019 houve um aumento de 28% no número de pesquisas científicas realizadas na instituição. No ano de 2020, até o momento, já foram 17 publicações de grande impacto nacional e internacional.

Conforme relata a gerente de pesquisa do IGESDF, Maria Aparecida Leite Alves dos Santos, as publicações científicas servem para divulgar as pesquisas que vêm sendo realizadas no instituto e o que isso representa coletivamente.

“Também é uma oportunidade para que a comunidade acadêmica conheça os diferentes temas abordados nas pesquisas do instituto e assim, o IGESDF receba reconhecimento técnico externo, e, consequentemente possa estabelecer mais parcerias, atraindo mais investimentos e fortalecendo ainda mais a pesquisa na instituição”, explica.

Segundo a gerente, com o aumento crescente de pesquisas de qualidade na instituição, o Centro de Pesquisa do IGESDF tem sido procurado para parcerias com diversas instituições de renome.

“Atualmente, temos pesquisas em andamento com parceiros como, o Hospital Albert Einstein, Universidade de São Paulo (USP), Faculdade de Ciências Médicas da Unicamp e Hospital Moinho de Vento. Estamos fechando parceria para a realização de estudos com diversos Centros importantes como, o Instituto Brasileiro de Pesquisa Clínica Thomás de Carvalho (IBPC), Roche, The George Institute for Global Health (Austrália), Sírio Libanês, Universidade de Calgary (Canadá), Ministério da Saúde e Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (SOCESP)”, enumera.

O diretor-presidente do IGESDF, Sergio Costa, conta que com essas parcerias, o IGESDF ganha visibilidade no cenário de pesquisa mundial, retorno dos resultados para a assistência e Sistema Único de Saúde (SUS), além de recursos financeiros para continuar fomentando pesquisas de qualidade.

“O IGESDF entende a atividade de pesquisa científica e/ou tecnológica como um processo de investigação, recorrendo a procedimentos que promovem o desenvolvimento científico e tecnológico e de transferência de conhecimento para a sociedade com forte potencial de contribuição para o desenvolvimento econômico, social e cultural. De forma prática, o fomento à pesquisa traz como retorno vários aspectos, como melhoria no atendimento aos pacientes, desenvolvimento e implementação de novas tecnologias, otimização dos serviços prestados, melhora nos meios de diagnósticos, desenvolvimento de novos medicamentos, entre outros”, explica.

CIÊNCIA E PESQUISA NO IGESDF – Enumerados em sua visão institucional, o ensino e pesquisa têm elevado seu patamar no instituto. A média de publicações nos últimos três anos foi de 67 artigos.

Além do aumento considerável nesse número e na realização de pesquisas científicas, merece destaque a implantação do Programa de Iniciação Científica, que tem por objetivo despertar o desenvolvimento científico em estudantes de graduação e Pós-graduação, contribuindo para a formação de profissionais de saúde para a sociedade.

Recentemente, também foi inaugurado o Núcleo de Apoio ao Pesquisador que oferece diversas consultorias, apoia os pesquisadores em editais de fomento e faz divulgação de suas publicações.

Em 2020, foi aprovada a Política de Pesquisa do IGESDF que demonstra o comprometimento da instituição com os pesquisadores colaboradores e com a população do Distrito Federal.

 

Texto: Leilane Oliveira/Agência IGESDF

Foto: Davidyson Damasceno/Agência IGESDF