IGESDF lança Telemedicina para combate à Covid-19


17/04/2020 - 08h16

Recurso oferece apoio de médicos especialistas aos médicos que estão atuando no combate à Covid-19 nas unidades do IGESDF

Para fortalecer ainda mais o combate ao novo coronavírus, o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (IGESDF) lançou o Projeto de Telemedicina. A iniciativa, que começou a funcionar nesta semana, proporciona aos médicos que estão atuando no combate à Covid-19 receber apoio direto de especialistas nas áreas de cardiologia, clínica médica, infectologia, pneumologia e terapia intensiva.

Com a inovação, profissionais das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), do Hospital de Base (HB) e do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM) podem trocar o conhecimento com especialistas por intermédio de videoconferências na modalidade de interconsulta. Esse apoio matricial, estruturado pela equipe da Diretoria de Inovação, Ensino e Pesquisa, foi pensado em razão do avanço da pandemia e do cenário dinâmico vivenciado pelos profissionais de saúde.

“Esse é mais um avanço que vai dar suporte para os nossos profissionais que estão na linha de frente de combate à Covid-19 e precisam de apoio de especialistas plenamente capacitados para fornecer orientações sobre o tratamento mais adequado dos pacientes”, ressaltou o diretor-presidente do IGESDF, Sérgio Costa.

Ele lembrou que, no início deste mês, o IGESDF lançou a plataforma online ‘EaD IGESDF Especial Covid-19’, que já conta com mais de 1,2 mil inscritos. A ferramenta oferece vídeos, cursos e treinamentos em ambiente virtual não apenas para capacitar profissionais da saúde, mas também para educar a população frente à pandemia.

Além do enfrentamento da COVID-19, os especialistas da telemedicina, começaram a prestar suporte aos médicos que precisam de apoio para casos relacionados a outras enfermidades. “As especialidades de infectologia e pneumologia são mais voltadas para dar suporte ao atendimento da Covid-19”, explicou o diretor de Inovação, Pesquisa e Ensino, Everton Macêdo.

INFRAESTRUTURA – O projeto conta com uma Central de Telemedicina, montada no Hospital de Base, com painéis para monitoramento em tempo real, conectividade em alta velocidade, internet wi-fi e notebooks equipados para videoconferência em alta resolução e telefone VOIP exclusivo.

No Pronto Socorro do HRSM e em cada uma das UPAs, há ponto de Telemedicina com um notebook equipado para videoconferência em alta resolução, conectividade, internet wi-fi e telefone VOIP exclusivo.

A telemedicina fica disponível de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, em dias úteis, e está recebendo o apoio de mais especialistas para que o horário de atendimento seja ampliado.

Texto: Ailane Silva/ Ascom IGESDF

Foto: Davidyson Damasceno/Ascom IGESDF