IGESDF concentra um número maior de elogios na Ouvidoria da Saúde


28/05/2020 - 11h35

Análise é referente ao mês de abril e abarca outras unidades da rede de saúde pública do Distrito Federal

O Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do DF (IGESDF) concentrou o maior número de elogios na Ouvidoria da Secretaria de Saúde do DF, no mês de abril. Ao todo, foram 43 elogios de um total de 252 cadastrados no sistema.

“Ocupar o primeiro lugar é um reflexo da implantação de medidas que estamos tomando para melhorar a qualidade assistencial oferecida aos pacientes nas nossas unidades”, ressaltou o diretor-presidente do IGESDF, Sergio Costa, acrescentando que “isso serve de estímulo para que busquemos fazer ainda mais pela população do DF”.

Os elogios estão incluídos em um total de 3.434 manifestações de cidadãos registradas no período. Destas, 843 foram acerca de solicitações de serviços, o que atingiu 25% do total de demandas recebidas. Os dados foram retirados do Sistema OUV-DF. Respostas às demandas dos usuários dos serviços levaram em média nove dias. Tempo preconizado pela legislação é de vinte dias.

Em relação aos setores mais demandados, a Subsecretaria de Vigilância Sanitária (SVS), o Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (Iges-DF) e o Hospital Regional de Taguatinga (HRT) foram os que receberam um maior número de manifestações da população.

A SVS possui o maior número de solicitações de serviço – devido, principalmente, à temática do combate à dengue (21,25% do total de manifestações) e às ações relacionadas à Covid-19 (4,6%).

“Vale ressaltar que, em virtude da pandemia do novo coronavírus, houve um aumento significativo nas demandas registradas pelos canais de atendimento via telefone e internet”, afirma o chefe da Unidade Setorial de Ouvidoria, Marcos Paulo Lopes.

“Informamos que na categoria elogio, o assunto ‘servidor público’ foi o que obteve o maior índice junto à Secretaria de Saúde, com 31% do total de demandas recebidas nesta tipologia”, acrescenta Marcos.

O Hospital de Apoio de Brasília (HAB) recebeu, em média, um elogio para cada reclamação, seguido pelo Hospital da Criança de Brasília (HCB) e pelo Hospital Materno-Infantil de Brasília (Hmib).

Respostas – O tempo máximo para resposta das manifestações de ouvidoria, conforme preconizado pela legislação, é de vinte dias. Em abril, a Ouvidoria da Secretaria de Saúde respondeu às demandas dos usuários dos serviços em um tempo médio de nove dias – frisando que, no referido mês, 97% do total de manifestações recebidas pela pasta foram respondidas dentro do prazo.

Além disso, destaca-se a ascensão de todos os indicadores, o que demonstra proximidade quanto às metas estabelecidas no Plano Plurianual 2020-2023 do Governo do Distrito Federal: o índice de resolutividade alcançado foi de 50%; o de recomendação dos serviços de Ouvidoria, 86%; e o de satisfação e recomendação com os serviços de Ouvidoria apresentaram percentuais de 73% e 86%, respectivamente.

* Com informações da Secretaria de Saúde