Plataforma EaD do IGESDF ultrapassa marca de 20 mil acessos


23/06/2020 - 13h35

Conteúdos especiais sobre a covid-19 estão sendo criados para orientar profissionais no combate à doença

Com pouco mais de dois meses de criação, a Plataforma de Ensino à Distância (EaD) do Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF), já registra mais de 20 mil acessos e cerca de 2500 inscritos.

As informações sobre o coronavírus são o foco dos conteúdos da plataforma e são acessados por usuários cadastrados nas cinco regiões do país, além do exterior.

De acordo com o diretor de Inovação, Ensino e Pesquisa do IGESDF, Everton Macedo, o ambiente virtual de aprendizagem foi criado especialmente para orientar profissionais de diversas áreas sobre a pandemia.

“A plataforma disponibiliza, gratuitamente, 23 vídeos com aulas e treinamentos com abordagem multidisciplinar sobre o tema, trazendo sempre novidades referentes à prevenção e tratamento da covid-19”, explica.

Para o assessor de Estratégia de Ensino e gestor do projeto EaD, Laércio Luz, o alcance da plataforma do IGESDF tem superado todas as expectativas.

“Em um curto período alcançamos profissionais de saúde em todas as regiões do país e no exterior. A alta qualificação dos profissionais que produzem o conteúdo tem contribuído para o sucesso da plataforma”, avalia.

O diretor-presidente do IGESDF, Sergio Costa, ressalta que a criação da plataforma vem ao encontro das demais ações que a instituição tem desenvolvido para combater a disseminação do coronavírus.

“Desde que iniciamos nosso trabalho contra a covid-19 temos atuado no sentido de implementar condutas que sirvam para evitar, ao máximo, as transmissões do vírus. Nesse sentido, além de abertura de leitos, contratação de profissionais e investimento em equipamentos de proteção individual (EPIs), entendemos que o conhecimento faz toda a diferença para que os colaboradores estejam bem orientados na hora da realização dos atendimentos. Isso traz segurança e mais qualidade nas atividades desempenhadas”, afirma o presidente.

 

Texto: Leilane Oliveira / Agência IGESDF

Foto: Breno Esaki / Agência Saúde