Um gigante: documentário homenageia 60 anos do Hospital de Base


12/09/2020 - 09h10

Estrutura é a maior da rede pública de saúde do DF, foi projetada por Oscar Niemeyer e construída no mesmo período em que a capital do país
Considerado a estrela entre os hospitais públicos do Distrito Federal e um gigante por possuir a maior estrutura física, o Hospital de Base (HB) completa 60 anos neste sábado (12). A história do hospital – projetado por Oscar Niemeyer e construído simultaneamente com Brasília – ganhou mais vida em um documentário feito para homenagear a grandiosidade da unidade.
A concepção do projeto já previa que essa unidade de saúde seria diferente, um modelo para ser o centro de uma rede hospitalar com outras unidades menores. Com o primeiro nome de Hospital Distrital, foi inaugurado em 12 de setembro de 1960 pelo então presidente da república, Juscelino Kubitschek, data de seu aniversário e poucos meses após ter inaugurado Brasília.
O Hospital de Base atende a população do DF e pessoas que vêm de várias partes do Brasil em busca de atendimento de alta complexidade. Recebe alunos de graduação em medicina, enfermagem e outros cursos da área de saúde, bem como profissionais graduados pleiteando vagas nos Programas de Residência Médica e Profissional. Atende, no campo de estágio, a vários convênios da Secretaria de Saúde do DF (SES) com instituições de ensino superior e médio.
Em 2019, o hospital passou por uma ampla reforma administrativa, impulsionando o sistema inovador de gestão. O HB passou a ser gerido pelo Instituto de Gestão Estratégica de Saúde do Distrito Federal (IGESDF), que tem como finalidade desburocratizar a gestão da saúde, que passou a ser baseada em metas e indicadores de resultados. A unidade passou a ter autonomia e flexibilidade para solucionar demandas e anseios da sociedade, com manutenção integral do atendimento exclusivo e gratuito aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

 

NÚMEROS – A gigante estrutura funciona como uma cidade. São 54 mil metros quadrados de área construída, 695 leitos e 33 especialidades, sendo destaques o atendimento de trauma, oncologia e neurocirurgia. Aproximadamente 5 mil refeições são servidas todos os dias. Quase 85 toneladas de enxoval e roupas hospitalares são lavadas diariamente. No total, mais de 4 mil trabalhadores atuam na unidade que avança a cada dia.

De janeiro de 2019 a julho de 2020, foram feitos pelo Hospital de Base aproximadamente 2,1 milhões de procedimentos de alta complexidade, 1,4 milhões de exames e procedimentos diagnósticos, 408 mil consultas e 19 mil cirurgias.

Ao completar 60 anos, o Hospital de Base (HB) alcança um alto nível de qualidade e maturidade para prestar mais e melhores serviços à população do Distrito Federal e de todo o Brasil.

Texto: Ailane Pereira / Agência IGESDF
Fotos: Davidyson Damasceno – ASCOM / Agência IGESDF